Linha 4

Publicidade

Exportações de carne suína batem recorde em 2020

Sirlei Benetti

Conforme os números levantados pela Associação Brasileira de Proteína Animal, a produção brasileira de carne suína poderá alcançar até 4,3 milhões toneladas neste ano, número 8% superior ao alcançado em 2019.

Essas máquinas não param, é preciso produzir, abater, cortar e embalar para que o produto chegue a casa do consumidores e olha que ultimamente eles estão bem longe. Na China. As exportações de carne de porco este ano deverão, pela primeira vez, superar a casa de 1 milhão de toneladas. Número 37% superior em relação às 750 mil toneladas exportadas em 2019. Na avaliação do diretor de mercados, assim como em 2019, a crise sanitária de Peste Suína Africana que impactou o rebanho suíno da Ásia, de parte da Europa e da África, seguiu impulsionando as exportações brasileiras de suínos.

No mercado interno, o consumo ficou na média esperada 3,3 milhões, número 2% superior ao registrado em 2019. Ccada brasileiro consumiu em média este ano, 15,3 quilos de carde de porco. Para as indústrias, como está que é uma das maiores do Brasil e que está localizada em Medianeira no Oeste do Paraná, a expectativa é positiva para 2021.

Os artigos dos blogs não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor do texto.

COMENTÁRIOS

Publicidade

Publicidade