Ministro Dias Toffoli lamenta em nota morte do jornalista Ricardo Boechat

Estadão Conteúdo
Brasil | Publicado em 11/02/2019 às 15:25

Fotos Públicas

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, divulgou na tarde desta segunda-feira, 11, nota em que lamenta a morte do jornalista Ricardo Boechat, vítima de acidente aéreo. Boechat estava em um helicóptero que caiu no quilômetro 7 do Rodoanel, próximo ao acesso à Rodovia Anhanguera, próximo a chegada a São Paulo, em cima de um caminhão.

"A imprensa e a sociedade brasileira estão em luto pela perda desse excelente profissional que com dinamismo e versatilidade levava a notícia aos públicos mais diversos, seja para quem o lia na coluna da revista IstoÉ, seja para quem o ouvia na rádio ou o assistia nos telejornais da Band", escreveu Toffoli.

"Presto minhas sinceras condolências à família, aos amigos e às empresas para as quais trabalhou ao longo de quase meio século de jornalismo", disse o presidente do Supremo na nota.

Segundo o Corpo de Bombeiros, a aeronave caiu em cima de um caminhão que trafegava pela via, no sentido interior, próximo à praça do pedágio.



Relacionados

Brasil | 22-08-2019 07:50

Câmara aprova flexibilização da posse de arma de fogo no campo

Câmara aprova flexibilização da posse de arma de fogo no campo

Brasil | 21-08-2019 22:15

Ibama publica edital para comprar novo sistema de monitoramento da Amazônia

Ibama publica edital para comprar novo sistema de monitoramento da Amazônia

Brasil | 21-08-2019 17:40

'Recorde de queimadas reflete irresponsabilidade de Bolsonaro', rebatem ONGs

'Recorde de queimadas reflete irresponsabilidade de Bolsonaro', rebatem ONGs

Londrina | 21-08-2019 17:24

Boca Aberta encara Conselho de Ética por vídeo de médico dormindo em hospital

Boca Aberta encara Conselho de Ética por vídeo de médico dormindo em hospital

PUBLICIDADE