Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Com Tatum e Brown, Celtics está a uma vitória do 18º título

13/06/24 às 10:06 - Escrito por Band
siga o Tarobá News no Google News!

O Celtics está a uma vitória do seu 18º título da NBA. Liderada por Jaylen Brown e Jayson Tatum, que combinaram para 61 pontos, a equipe de Boston venceu o Mavericks por 106 a 99, em Dallas, e abriu 3 a 0 na série das finais.


A equipe de Dallas começou a partida com tudo, empurrada pela torcida que fazia muito barulho no ginásio, e rapidamente abriu uma boa vantagem, mas viu Boston reagir antes do final do primeiro quarto e contestar a liderança no placar até o final do primeiro tempo.


Na volta do intervalo, Boston disparou no placar com ajuda de Jaylen Brown, que fazia uma partida discreta até então, e abriu 15 pontos para Dallas ao final do 3º quarto e ampliou para 21 no início do 4º período.

Leia mais:

Imagem de destaque
APESAR DA VITÓRIA

Técnico do Corinthians vê erros e diz que pode fazer mudanças

Imagem de destaque
"DEVE PEDIR DESCULPAS"

Autoridade argentina cobra Messi por cântico racista após final

Imagem de destaque
NA INTERNET

Pessoa é condenada a prisão por racismo contra Vini Jr. e Rüdiger

Imagem de destaque
SEGUNDO JORNALISTA

Richard Ríos, do Palmeiras, desperta interesse de clubes ingleses


Mas uma sequência de 20 pontos seguidos de Dallas, contra apenas 2 de Boston, fez com que o Mavericks voltasse para o jogo e incendiasse a arena. Só que a expulsão de Luka Doncic, pela sexta falta, faltando 4 minutos par ao fim do jogo serviu como um balde de água fria na reação de Dallas.


Com isso, Brown, Tatum e Derrick White comandaram Boston para a terceira vitória na série e encaminhar mais um título para a franquia.


Agora, Dallas precisa de um feito inédito. Nunca uma equipe que esteve perdendo as finais da NBA por 3 a 0 conseguiu uma virada. Já o Celtics espera repetir o Golden State Warriors, em 2018, e varrer o Marevicks na série, algo que só aconteceu 10 vezes na história.



NBA Finals na Band:


A Band e o Bandplay transmitem o jogo 4 das finais da NBA na sexta-feira (14), às 21h15, com narração de Rômulo Mendonça, comentários de Ricardo Bulgarelli, e reportagens de Alana Ambrosio e Eduardo Barão.



1º Quarto: Mavericks 31x30 Celtics


Jogando ao lado do seu torcedor, o Dallas Mavericks teve um começo de jogo arrasador e rapidamente abriu 13 pontos de diferença para a equipe do Boston, que encontrou muitos problemas na marcação sem Kristaps Porziņģis, lesionado.


Mas após a pressão inicial de Dallas, onde finalmente parecia que iria ter um jogo mais coletivo, o que não aconteceu nos dois primeiros jogos, o Mavericks voltou a se apoiar em Luka Doncic e Kyrie Irving.


Se aproveitando dessa previsibilidade de Dallas, o Celtics se encontrou em quadra e terminou o primeiro período com apenas um ponto atrás do placar.




2º Quarto: Mavericks 51x50 Celtics


Mostrando nervosismo após perder a boa vantagem que havia conquistado no início do jogo, Dallas voltou para o segundo quarto cometendo muitos turnovers e permitindo que Boston assumisse a frente placar pela primeira vez na partida. A partir da virada, as equipes passaram a se alternar na liderança do placar.


Kyrie Irving, que teve um desempenho muito apagado nos dois primeiros jogos, em Boston, finalmente dividiu o protagonismo com Luka Doncic e compensou o baixo aproveitamento nas bolas de três do esloveno, se tornando o cestinha da partida até o intervalo.


Percebendo que precisaria assumir a posição de liderança da equipe, Jayson Tatum apareceu mais para o jogo e deixou de ser o distribuidor que foi nos dois primeiros confrontos da série, sendo o maior pontuador do Celtics.



3º Quarto: Mavericks 70x85 Celtics


O Celtics voltou do intervalo impondo seu ritmo e mais uma vez trabalhando coletivamente em quadra, acertado muitas bolas de três e diminuindo o ímpeto da equipe de Dallas e sua torcida


Muito pelo desempenho de Jaylen Brown, que anotou 15 pontos no período e ajudou Boston a abrir grande vantagem no placar.



4º Quarto: Mavericks 99x106 Celtics


O último período começou como terminou o terceiro quarto, com Boston dominando, impondo erros à equipe de Dallas e sendo decisivo nas bolas de três pontos, ampliando a vantagem rapidamente para 21 pontos.


Mas uma sequência de 20 pontos do Mavericks, contra apenas 2 do Celtics, fez com que Dallas diminuísse a vantagem de Boston para apenas 3 pontos e colocasse fogo na partida, trazendo novamente a torcida para o jogo.


Faltando pouco mais de 4 minutos para o fim da partida, um balde de água fria na reação de Dallas. Luka Doncic cometeu duas faltas em sequência e foi expulso do jogo com seis faltas, algo inédito em sua carreira nos playoffs.


Sem Luka em quadra, o Mavericks colocou todas suas fichas apenas em Kyrie Irving, mas o armador não foi o suficiente para bater o jogo coletivo e a noite decisiva de Jayson Tatum e Jaylen Brown, que conduziram Boston para a terceira vitória na série.

Notícias relacionadas

© Copyright 2023 Grupo Tarobá