Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel

Com aporte de R$ 3 milhões, UTFPR inaugura novos blocos em Londrina

26/11/23 às 17:51 - Escrito por Agência Estadual de Notícias
siga o Tarobá News no Google News!

Com investimento de R$ 3 milhões do Governo do Estado, a Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) inaugurou dois blocos acadêmicos para os cursos de engenharia, no câmpus de Londrina, na região Norte. Os recursos são do Fundo Paraná de fomento científico e tecnológico, administrado pela Secretaria da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti).


O orçamento total da obra soma R$ 6,6 milhões e envolve, além do Fundo Paraná, recursos próprios e do Ministério da Educação (MEC). Do aporte liberado pelo Estado, R$ 2 milhões foram aplicados na construção dos novos blocos e R$ 1 milhão na implantação dos laboratórios para os cursos de Engenharia Mecânica, Engenharia Química e Engenharia de Produção, incluindo a aquisição de equipamentos específicos.


A infraestrutura acadêmica será utilizada em atividades de ensino, pesquisa e extensão, assim como em projetos de base tecnológica, a partir de demandas propostas pelo setor produtivo local, com foco nas potencialidades regionais. Com uma área construída de 1.500 metros quadrados, os blocos contam com salas de aula, espaços para professores, alunos e empresas juniores e laboratórios multiusuários de usinagem e motores, entre outros. As novas instalações irão beneficiar 1.255 estudantes das engenharias.

Leia mais:

Imagem de destaque
EDUCAÇÃO

Abertas matrículas para formação de docentes em curso integrado ao ensino médio

Imagem de destaque
EM LONDRINA

Quatro novos colégios devem passar por consulta para Programa Cívico-Militar

Imagem de destaque
SAIBA MAIS

Nova lei estabelece como será feita a escolha de diretores das escolas municipais

Imagem de destaque
COLÉGIOS CÍVICO-MILITARES

Dezenove escolas do núcleo de Londrina participam de consulta pública


Esses ambientes também serão utilizados pelos cursos de Engenharia Ambiental, Engenharia de Materiais, Licenciatura em Química e Tecnologia em Alimentos. Para além da graduação, os espaços acadêmicos também irão favorecer atividades dos programas de pós-graduação do câmpus: Ciência e Engenharia de Materiais; Engenharia Ambiental; Ensino de Ciências Humanas, Sociais e da Natureza; Ensino de Matemática; e Tecnologia de Alimentos.


Segundo o coordenador do Fundo Paraná, Luiz Cézar Kawano, o investimento contínuo em infraestrutura reflete um empenho do governo com a produção científica e tecnológica. “O Estado do Paraná tem um compromisso com o investimento permanente em ações de ciência e tecnologia e na articulação de políticas públicas para fortalecer a produção científica, tanto que, na distribuição percentual, o Paraná está entre os estados que lideram a aplicação de recursos para esse segmento, o que reflete um empenho do governo com iniciativas nessa área”, afirmou.


O reitor da UTFPR, Marcos Schiefler Filho, destacou a importância da infraestrutura de ciência para pesquisas nas diferentes áreas do conhecimento. “A disponibilidade de instalações para o desenvolvimento de atividades de pesquisa é essencial para a produção científica e tecnológica e para ampliar as oportunidades de inovação em nível local e regional”, disse o reitor. “Nesse sentido, o apoio e o investimento do Estado do Paraná no campo da ciência tem sido fundamental, principalmente para a implementação de laboratórios multiusuários e multidisciplinares”.


UTFPR – Com 114 anos, a UTFPR é a primeira universidade tecnológica do País e soma 33 mil estudantes matriculados em 127 cursos de graduação e pós-graduação em 13 câmpus, distribuídos nas diferentes regiões paranaenses. A instituição é referência nos cursos de engenharia e desempenha função social e de extensão, interagindo com o setor produtivo e a comunidade, para a realização de pesquisas aplicadas. O câmpus de Londrina foi fundado em 2007 e, atualmente, conta com 2.670 alunos.

© Copyright 2023 Grupo Tarobá