Linha 4

Publicidade

Covid-19: Gato é diagnosticado com a doença no Reino Unido

Redação Tarobá News

Pixabay

O governo do Reino Unido confirmou que um gato foi diagnosticado com Covid-19. O resultado positivo saiu no último dia 22. De acordo com o jornal britânico The Guardian, este é o primeiro caso de infecção animal confirmada no país. A suspeita é que o gato tenha contraído a doença dos donos. Eles ficaram doentes, mas já estão recuperados.

O felino, que teve apenas sintomas leves da doença, vive com os donos na cidade de Weybridge, cerca de 30 quilômetros a sudoeste de Londres.

De acordo com a chefe de veterinária do governo, Christine Middlemiss, a possibilidade de infecção animal/humano ou que ele tenha transmitido o Covid-19 a outros animais foi descartada.

“Este é um evento muito raro até o momento: animais infectados mostrando apenas sinais clínicos leves e se recuperando dentro de alguns dias. Não há evidências que sugiram que os animais transmitam diretamente o vírus aos seres humanos. Continuaremos a monitorar essa situação de perto e atualizaremos nossas orientações para os donos de animais, caso a situação mude”, afirmou.

O gato foi levado ao veterinário com falta de ar e uma infecção respiratória com secreção nasal, segundo o porta-voz de Downing Street.  O diagnóstico inicial foi herpes felina, mas uma amostra foi testada para o novo coronavírus como parte de um programa de pesquisa, e deu positivo. Assim, ele se tornou o primeiro caso oficial de gato com a doença no Reino Unido.

(com The Guardian)

COMENTÁRIOS

Publicidade