Maduro diz que metade dos homens que atacaram base militar estão foragidos

Estadão Conteúdo
Mundo | Publicado em 06/08/2017 às 18:05

Foto: divulgação

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, disse hoje que 10 homens escaparam depois do ataque fracassado contra uma base militar do país, e que as autoridades estão em busca deles.

Maduro afirmou que 20 homens entraram no forte Paramacay, em Valência, nesta madrugada e que os guardas foram pegos de surpresa pelos intrusos, que conseguiram alcançar o fornecimento de armas da base.

O presidente disse que soldados lutaram contra os intrusos até às 8h deste domingo e que dez escaparam enquanto outros dois foram fatalmente baleados. Um terceiro está ferido e outros sete foram capturados.

O governo afirma que dos 20 intrusos, apenas um já foi membro do exército. Os demais seriam civis com uniformes militares. Maduro alega que o ataque foi pago por líderes opositores que estão em Miami e na Colômbia. Fonte: Associated Press.



Relacionados

Mundo | 06-10-2018 11:55

Governo da Indonésia considera transformar áreas devastadas em valas comuns

Governo da Indonésia considera transformar áreas devastadas em valas comuns

Mundo | 06-10-2018 11:20

Nos EUA, criança de 2 anos põe mais de US$ 1.000 em triturador de papel

Nos EUA, criança de 2 anos põe mais de US$ 1.000 em triturador de papel

Mundo | 05-10-2018 16:25

Chefe da Interpol teria sido levado à China pelo Partido Comunista, diz jornal

Chefe da Interpol teria sido levado à China pelo Partido Comunista, diz jornal

Mundo | 05-10-2018 16:10

Nas Filipinas, porta-voz pede a Duterte que revele seu estado de saúde

Nas Filipinas, porta-voz pede a Duterte que revele seu estado de saúde