Londrina
Cascavel
  • Londrina
  • Cascavel
Londrina
Cascavel

Peru: Fujimori pede perdão por malfeitos durante seu governo

26/12/17 às 22:15 - Escrito por Estadão Conteúdo

Lima, 26/12/2017 - O ex-presidente do Peru, Alberto Fujimori, pediu desculpa à nação pelos malfeitos cometidos sob seu governo na década de 1990, num comunicado emitido dois dias depois de receber o perdão do presidente Pedro Pablo Kuczynski, que o libertou da prisão.

Fujimori, de 79 anos, falou em uma mensagem filmada de um hospital na capital peruana, Lima. Ele recebeu o perdão após servir menos da metade da sentença de 25 anos por abusos contra os direitos humanos.

"Estou ciente de que os resultados durante o meu governo foram bem recebidos por um lado, mas eu reconheço e desapontei outros compatriotas", disse o ex-presidente. "A eles, eu peço perdão, com todo meu coração".

Fujimori governo o país vizinho de 1990 a 2000 e foi considerado culpado pela morte de 25 pessoas em um campanha contra o grupo guerrilheiro Sendero Luminoso.

O ex-presidente, que foi diagnosticado com arritmia cardíaca e câncer de língua, também agradeceu a Kuczynski pelo perdão, que resultou em manifestações em todo o país.

O presidente disse que o perdão foi concedido por razões humanitárias, mas muitos acreditam que foi parte de um acordo para evitar que Kuczynski sofresse impeachment sob acusações de corrupção.

Abstenções de um partido liderado pelo filho de Fujimori evitaram o impeachment de Kuczynski, que supostamente teria recebido propinas da Odebrecht. A Organização das Nações Unidas (ONU) lamentou o perdão concedido a Fujimori. Fonte: Associated Press.

© Copyright 2022 Grupo Tarobá